Todo tecido submetido a uma cirurgia sofre algum tipo de lesão. Esta lesão precisa ser restaurada.
Neste processo encontram-se alterações como edema (inchaço), equimoses (manchas roxas) e formação de tecido cicatricial (fibrose). Estas alterações fazem parte do processo de reparo, e são tratadas fisioterapicamente, uma vez que trazem disfunções para os tecidos em questão.
A fisioterapia atuará prevenindo e tratando tais alterações, possibilitando uma recuperação mais rápida e evitando períodos longos de limitações.
Para cada paciente será elaborado um tratamento de acordo com suas neessidades, utilizando tratamentos manuais como drenagem linfática, massagem modeladora e aparelhos como o ultrasom, endermoterapia, heccus, carboxiterapia, entre outros recursos.

Indicações:

  • Lipoaspiração
  • Lipoescultura
  • Abdominoplastia
  • Mamoplastia de aumento ou redução
  • Lifting facial